domingo, 19 de novembro de 2017

Resenha Lunática: Dom

Resenha Crítica: Dom
Autora: Anne Marck
Páginas: 322

Sinopse:
Dominic carrega uma história de superação de uma infância miserável lutando para proteger a si e seus irmãos mais novos dos perigos de viver nas ruas. Boas oportunidades apareceram, ele se tornou um grande cara e tomou para si a missão de fazer com que outros não passem pelo que ele passou.
Luna é jovem, estudiosa, que se viu arrancada de sua vida estável e encontra-se sob a mira de um padrasto ganancioso. Ela teve que fugir e agora precisa lutar por sua sobrevivência.
Revirando o lixo do Centro Comunitário administrado por Dominic, em busca de comida, Luna é pega em flagrante por ele.
Ela quer fugir. Ele quer protegê-la.
O que Dom não esperava é que a menina se enraizasse sob sua pele. Ela é jovem demais para seu gosto e ele tem sua própria demanda de satisfação. Resistir a forte atração pela garota inocente possivelmente será o seu maior desafio.

DOM, o primeiro livro da trilogia Protetores, traz a história de Dominic, um homem cujo instinto protetor é talvez sua mais evidente característica.

Resenha por Scar Miranda 

Um encontro inusitado, uma ruiva da língua afiada e um homem que teve que amadurecer rápido demais.

Dom desde cedo teve que ser responsável para ajudar sua  família, mesmo tendo todos seguros, ele não deixou de se preocupar com o próximo e criar uma ONG para ajudar os mais necessitados.

Luna uma jovem linda e ingênua, que viu seus planos serem destruídos pela ganância e poder.

Genteeeee, sério pensem num livro muito foda,cada página é um tiro novo e quando você acha que as coisas não podem piorar, o caldo entorna ainda mais.

Eu adoro quando um livro me pega e eu faz com que eu não pense em mais nada a não ser terminar a história para saber o que está reservado para os personagens. Dom é um homem lindo, bem de vida, mas que para tudo para ajudar jovens de um bairro periférico a não entrarem para vida do crime ou terem um prato quente para comer.

Mesmo depois de um tempo conseguindo ter uma vida boa,  ele nunca deixa de olhar para quem precisa e vai até o limite para ajudar quem esta sob seus cuidados.

Luna é um furacão de emoções, por ser uma menina ainda é impossível não rir das trapalhadas que ela se envolve sem medir as conseqüências.

Esses dois juntos são o famoso casal: Fogo e gasolina. É só chegar perto que você sabe que são duas bombas ambulantes e que juntos são puro fogo.

Esse é o primeiro livro da autora que leio e posso dizer: é um livro maravilhoso e super bem escrito. Agora eu estou aqui,  louca para ler o livro do Damien e já quero matá-lo, porque não ter filtro é normal, mas ser sem noção é demais. Eu espero de todo coração que ele engula todas as palavras dele.

Leitura concluída e super indicada!