quarta-feira, 20 de setembro de 2017

Resenha Lunática: Miguel

Título: Miguel
Páginas: 221
Autora: Carol Paim

Sinopse:
Pecados e virtudes. Certo e errado. Isso importa quando o amor está em pauta?
Uma mulher provocadora. Um homem respeitador e religioso.
Ele acredita no sexo após o casamento. Ela acredita em encontros de uma noite. Paixão é o que ela sente. Ele sente o amor. Ela quer ser feliz e nesse ponto os dois concordam, mas como fazer dar certo para que os dois tenham seu final feliz? Quem abrirá mão de seu jeito de viver para se adequar ao outro?
Quando as certezas e crenças de um homem são postas à prova pela determinação e desejo de uma mulher, tudo pode acontecer.
Miguel é um romance divertido sobre aceitação e respeito. Onde o maior desejo é que o amor prevaleça sobre o preconceito e os obstáculos que a diferença de pensamentos e crenças podem trazer.

Resenha por Thaise Ewbank

Miguel, um ser humano dócil, que quase se tornou padre para realizar o desejo de sua mãe. Mas acabou desistindo, só que decidiu manter o celibatário. Uma pessoa em forma de anjo.

Já Aurora, era totalmente o oposto dele. O que surpreendeu, porque geralmente os homens são quem fazem a "festa". A autora quebrou o estereótipo com seu livro. A protagonista do livro amava festas, curtia a vida como se não houvesse o amanhã.

Mesmo com todas as diferenças, os dois se tornam inseparáveis e Miguel começou desejá-la, mesmo com toda sua vontade de abdicar dos desejos carnais. No decorrer do livro, acompanhamos uma história de amor que foi surgindo e que consegue conquistar o leitor a cada página lida. Quando comecei ler, achei que não fosse gostar do livro por tratar de religiosidade. Não consigo gostar muito desta temática, porém a autora conseguiu deixar o livro divertido e equilibrado.