terça-feira, 22 de agosto de 2017

Resenha Lunática: Será que é Amor?




Será que é Amor?
 Autora: Vânia Freire
Páginas: 427

 Sinopse
 Bianca é uma linda mulata de olhos verde e acima do peso. Com a autoestima elevada, é muito orgulhosa de si e de suas conquistas. Apesar da sua aparente calma, sempre tem uma resposta ácida quando é desrespeita por causa do seu peso ou cor de pele. Tem tudo o que uma mulher bem-sucedida poderia ter. Ou quase tudo, pois falta algo, um companheiro. Porém, ela não quer apenas alguém para não ficar sozinha, ela quer ser conquistada e, principalmente, amada. Fernando é um homem incrivelmente sexy e sensual que volta ao Brasil depois de viver muito anos fora e a última coisa que ele quer é se envolver com alguém, até conhecer Bianca, uma mulher fora dos padrões que ele considera perfeito e, no entanto, completamente irresistível. Só tem um problema: ela não quer nada com ele. Acostumado com as mulheres fazendo todas as suas vontades, se vê completamente sem chão com a recusa de Bianca, que não quer ser apenas seduzida, e sim verdadeiramente amada. Mas como se faz isso quando não se acredita no amor? Será que duas pessoas tão diferentes conseguirão encontrar o amor juntas? Disponível em formato físico e e-book

Resenha por Scar Miranda
 O que dizer desse livro maravilhoso e surpreendente? Eu confesso que não sei se consigo fazer jus a uma história tão linda, apaixonante e claro, hilária. Bianca é uma mulher decidida e segura de si, sendo sempre julgada pelo seu peso e sua cor de pele. Mas que de uma forma educada e rápida, sabe colocar quem merece no seu devido lugar. Fernando é o típico pegador e playboy, desfila com modelos a torto e a direito e que tem um preconceito enorme com mulheres acima do peso. Bom o livro aborda além da discriminação racial, a discriminação que uma mulher sofre por não seguir os padrões que infelizmente, a sociedade impõe. Achei surpreendente a forma que a autora abordou esse tema. Os personagens secundários, são tão hilários, que a autora soube dosar tudo de uma forma prática para não tornar o livro maçante, e gente, se no início do livro, eu quis dar na cara da Marcela, com toda certeza, a Carolina se superou,sorte que Bianca tem uma amiga pra lá de arretada como Michele que sabe colocar quem merece no seu lugar. Outro ponto positivo do livro é que vemos um homem louco e apaixonado que ao invés da mocinha, é ele quem tem os dramas internos, e com toda a certeza, é motivo de piadas entre amigos. Acho que peguei até o bordão do Fernando: " Isso é um mero detalhe" e realmente foi um mero detalhe para esse amor lindo que passou por cima do preconceito e de todas as armações que fazem a gente se encantar, e se apaixonar a cada página. Indico este livro a todos aqueles que procura um livro diferente e cheio de emoções. E que possamos amar mais as pessoas, independente de sua cor, religião e peso. Menos julgamentos, mais gentilezas!