segunda-feira, 17 de julho de 2017

RESENHA MEGA DOBRADINHA LUNÁTICA

RESENHA DOBRADINHA LUNÁTICA
LIVROS: MEU / REMY
AUTORA: KATY EVANS
EDITORA NOVO SÉCULO


Agora, com a distância e a escuridão entre eles, a única coisa que resta para Brooke é lutar pelo amor do homem que ela chama de “meu”. Na série best-seller REAL, o irrefreável lutador bad boy Remington Tate finalmente encontrou a maior razão pela qual lutar em sua vida, Brooke Dumas. Contratada para mantê-lo em perfeitas condições físicas, a jovem fisioterapeuta conseguiu desencadear um desejo primitivo tão vital em Remington quanto o ar que ele respira... “Remy” simplesmente já não pode viver sem ela. Brooke jamais imaginou que iria se apaixonar tão perdidamente por um homem, e mais, nunca sonhou que ele seria nada menos que a fonte de desejo de toda mulher. Quando tudo parecia caminhar para uma felicidade genuína, Brooke acaba sendo arrancada para longe dos arredores do ringue. Uma perigosa ameaça está à espreita, pronta para derrotar o “Arrebentador” e arrasar tudo em seu caminho no momento em que eles mais precisam um do outro. Mas será que uma última revelação surpreendente conseguirá mudar para sempre o destino desse intenso amor?





O lutador do circuito Underground Remington Tate é um verdadeiro mistério, até para si mesmo. Sua mente por vezes é assombrada por trevas, e ao mesmo tempo repleta de luz; ora atormentada, ora iluminada. Às vezes, suas ações e seu estado de espírito são cuidadosamente medidos; mas, subitamente, podem fugir do controle. Contudo, um amor improvável se revela a chave para o que aparentemente era apenas caos e aniquilação em Remy. Nenhuma mulher antes de Brooke Dumas havia vislumbrado seus segredos mais profundos, e suas paixões mais intensas. Em meio a todo esse cenário obscuro, enfim nasce uma constante: querer, precisar, amar e proteger Brooke. Desde o primeiro momento em que pôs os olhos em Brooke, Remy sabia, sem dúvida alguma, que ela seria a coisa mais real pela qual ele jamais teve que lutar. No terceiro livro da série, entre na mente singular de Remington Tate, o “Real” da Brooke, e descubra como o casal leva seu vínculo poderosamente sensual para o próximo nível.

RESENHAS CRÍTICA DAS BLOGUEIRAS

 SCAR MIRANDA

RESENHA MEU:

Eu encerro esse livro com lágrimas nos olhos e o coração transbordando de amor. Nesse segundo livro podemos ver o amadurecimento do casal, o medo, as inseguranças e tudo que vem nessa bagagem que é uma relação. Remy nesse livro esta ainda mais protetor e com mais medo de deixar seu lado escuro tomar conta de todo seu ser. Brooke volta a lidar com a insegurança o medo de uma depressão novamente. O livro é perfeito assim como o segundo primeiro, todas as pontas são fechadas e a autora coloca tanto sentimento que você não fica imune a eles. E o final do livro? Que perfeição! Meus olhos se encheram de lágrimas. Nele nós aprendemos que quando amamos estamos dispostos a tudo, que família é quem esta ao seu lado quando você mais precisa, e que amigos verdadeiros são como irmãos. Leitura concluída e super indicada, pois estou cada dia mais apaixonada por esse casal explosivo e apimentado.

RESENHA REMY:

Bom, eu amooo ler um livro com a narrativa masculina, é sempre mais direto e intenso e com Remy não poderia ter sido diferente. O cara é tudo que uma mulher pode desejar e apesar de Remy achar que por ser bipolar não é digno da Brooke, ele mostra diariamente o contrário. Ver a versão dele me fez rir e sofrer em cada página.E quando a gente lê a versão masculina, parece que é tudo novo. Não que a Brooke não seja uma grande personagem que eu inclusive adorei, mas sei lá a versão masculina é mais direta e eu gosto disso. Encerro essa parte do livro com o coração transbordando de amor por essa história e esse casal. Como diz um ditado:"o amor supera tudo" e Remy e Brooke mostram e provam isso a cada página.


CINTHIA GUTIERREZ
RESENHA MEU:

Meu o segundo livro da série, assim como o primeiro livro, Remy mais uma vez me fez apaixonada, Brooke mais uma vez se mostrou forte sem se deixar a bater. Scorpion estava no meio do caminho e a irmã que não vale nada mais uma vez mostrou que não vale nada mesmo, mas agora eles tinham algo a mais pra lutar, algo que dependia do lado azul de Remy mais que tudo, que eles deveriam lutar com tudo e todos para seguir essa jornada paralelo aos seus demônios. A autora mais uma vez foi surpreende com o desenrolar da história, mostrou como uma família mesmo que não sendo de sangue, ficam ao lado negro torcendo por você. Super ansiosa pelo terceiro livro da série. Recomendação é pouco!

RESENHA REMY:

Ai você se apaixona uma, duas e três vezes por Hamy.
O terceiro livro da série é na versão dele, ele fala todo o inferno que foi segurar seus demônios para ter Brooke ao seu lado. Cada fala dele nesse livro torna a trama muito mais intensa, fazendo você suspirar a cada entrega dele, faz você gritar com as groupies, faz você querer meter a garrafa na cabeça de quem for e proteger ele, pois ele mostrou que ele é o dono da série toda, mostrou que ele pode ter demônios, mas o que ele ama fica acima de qualquer choque. Amei amei ameii