segunda-feira, 14 de novembro de 2016

Babi A. Sette faz sucesso com seus romances de época; confira

Quem acompanha a autora Babi A. Sette nas redes sociais percebe o quanto ela é delicada e esbanja delicadeza e estilo em tudo que faz. Babi consegue trazer um pouco do mundo literário para o seu dia-a-dia. Recentemente em seu facebook, a autora postou a foto do seu escritório. Tudo decorado da forma que dê para localizar sua imensa preferência por romances de época. O Lunáticas por Romances procurou a Babi A. Sette para um bate-papo e aqui estamos para contar tudo o que rolou.

Escritório
A autora disse que começou escrever aos 7 anos. De lá para cá, nunca ficou um grande intervalo sem escrever. Sobre a preferência por romances de época, ela afirmou que sempre foi muito forte. "Eu me lembro de ver Romeu e Julieta com uns 9 anos e me acabar de tanto chorar e decorar os diálogos", reforçou.

O primeiro livro escrito pela Babi não foi publicado. Chama-se Campos Eliseos. Porém, depois disso quatro livros foram escritos e fizeram sucesso no mundo literário. "Entre o Amor e o Silêncio", "A Promessa da Rosa", "O Despertar do Lírio" e "Senhorita Aurora", são os títulos dos respectivos livros.

Quando perguntamos qual autora nacional e estrangeira Babi admirava o trabalho, ela foi rápida: Carina Riss e Judith Macnaught.

Porém conseguimos deixá-la pensativa. Afinal, quem não quer saber qual livro, entre os que já escreveu, é o seu favorito?  "Não consigo escolher um só... coração de mãe. Impossível olhar pra um apenas e apontar ele", afirmou.


Babi afirmou que terror é o gênero que ela jamais escreveria. Sobre os futuros projetos, ela deixou mistério e disse que logo saberemos das novidades.

Confira as sinopses dos livros da autora:

Entre o Amor e o Silêncio- Francesca Wiggs sofreu uma grande decepção amorosa e, desde então, está decidida a não se relacionar mais. Além de se dedicar a escrever o seu livro, ela resolve preencher os dias com um trabalho voluntário – a leitura para pacientes em coma proporcionaria para ela a distância para problemas com o coração. No entanto, um grande imprevisto ocorre quando ela passa a se sentir atraída pelo paciente. Mitchell, descrito como um poderoso magnata, seria a antítese de tudo o que ela busca em um homem... se não estivesse em coma. Precisar de alguém inconsciente seria um absurdo, não seria? Amar uma pessoa que nunca responde parece loucura! Francesca já havia entendido e sentia-se quase segura diante disso. Mas, e se Mitchell acordasse? A aproximação desses personagens tão diferentes revela um romance encantador e divertido, repleto de reviravoltas. Entre a vida e a morte, a ilusão e a realidade, o amor pode ser realmente o milagre que faz tudo mudar?

A Promessa da Rosa- Século XIX: Status, vestidos pomposos, carruagens, bailes… Kathelyn Stanwell, a irresistível filha de um conde, seria a debutante perfeita, exceto pelo fato de que ela detesta a nobreza; é corajosa, idealista e geniosa. Nutre o sonho de ser livre para escolher o próprio destino, dentre eles inclui o de não casar-se cedo. No entanto, em um baile de máscaras, um homem intrigante entra em cena… Arthur Harold é bonito, rico e obstinado.
Supondo, por sua aparência, que ele não pertence ao seu mundo, à impulsiva Kathelyn o convida a entrar no jardim – passeio proibido para jovens damas. Nunca mais se veriam, ela estava segura disso. Entretanto, ele é: o nono duque de Belmont, alguém bem diferente do homem que idealizava, só que, de um instante a outro, o que parecia a aventura de uma noite, se transforma em uma paixão sem limites.

Porém, a traição causada pela inveja e uma sucessão de mal-entendidos dão origem ao ciúme e muitas reviravoltas. Kathelyn será desafiada, não mais pelas regras sociais ou pelo direito de trilhar o próprio caminho, e sim, pela a única coisa capaz de vencer até mesmo a sua força de vontade e enorme teimosia: o seu coração.

O Despertar do Lírio- Lilian Radcliffe é uma jovem viúva e está feliz com sua vida isenta de emoções. Culpa do luto que não larga? Lilian jurou fidelidade ao marido no leito de sua morte.
Paralelo a isso, conhecemos Simon Thorn, homem frio e libertino, dono da maior casa de jogos de Londres. Ele está a um passo de realizar seu plano de vingança contra o culpado pelo título de assassino que recebera anos atrás. O problema é que o canalha está morto e ele terá de usar a sua viúva recatada a fim de atingir seus objetivos.
De um lado, ela precisa manter sua honra intacta; de outro, ele quer seduzi-la e desmoralizá-la. No entanto, Lilian nunca se sentiu tão vulnerável e atraída por um homem. E Simon, por sua vez, demonstra reações ao lado dela das quais nunca imaginara ter. A vingança e a honra se abalam quando nasce entre ambos uma paixão incontrolável. Mas, para ficarem juntos, terão de enfrentar segredos e mágoas profundas, um castelo trancado há seis anos, palco de uma morte misteriosa e, sobretudo, encarar os fantasmas do passado que assombram suas consciências.

Senhorita Aurora- Nicole é uma jovem bailarina brasileira e está prestes a realizar seu sonho: Estrear no papel principal em uma peça na Companhia de Ballet de Londres. Tudo estaria perfeito se não fosse pela presença de um dos seus diretores: o temido Sr. Daniel Hunt. Um maestro prodígio de temperamento difícil, com um humor sombrio e que desperta em Nicole sentimentos contraditórios.
Porém, quando uma tempestade de neve os isolam em uma mansão centenária, eles terão que encarar de frente não apenas os segredos que atormentam Daniel, como uma paixão proibida que nasce entre os dois. 
Uma história sobre amor e superação. Um romance intenso, tocante e perturbador que mostra que todos merecem uma segunda chance, até mesmo alguém com fama de monstro.